A inscrição no SISU 2020 para o primeiro semestre vão ocorrer dias 21 a 26 de janeiro.

Então, se você deseja concorrer a uma vaga nas universidades públicas que participam do sistema, corra para se inscrever.

Publicidade

Serão admitidos, ao todo, mais de 235 mil estudantes a 129 instituições de ensino de todo país. E uma dessas oportunidades pode ser sua!

Portanto, saiba tudo o que é necessário às inscrições do Sisu na publicação de hoje.

esde o seu funcionamento até as famosas listas de espera e esteja bem informado (a) a fim de iniciar essa jornada. Boa leitura!

Publicidade

Inscrições Sisu: Como funciona o programa e para que serve?

Publicidade

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é uma plataforma desenvolvida pelo Ministério da Educação (MEC). Desse modo, através dela, são selecionados candidatos a os mais diversos cursos de universidades públicas brasileiras.

Ou seja, a fim de disputar uma vaga não é necessário prestar vestibular a cada instituição. Basta não perder os prazos estabelecidos no cronograma:

SISU 2020 – Datas Importantes

Evento Datas
Inscrições 21/01 a 26/01
Divulgação da 1ª chamada 28/01
Matrícula dos aprovados na 1ª chamada 29/01 a 04/02
Lista de espera 29/01 a 04/02
Convocação da Lista de Espera 07/02

Online desde 2010, o Sisu já recrutou milhares de estudantes ao ensino de qualidade no país. E reforçamos que no primeiro semestre do ano foram oferecidas mais 235 mil vagas em quase 130 universidades.

Publicidade

A classificação acontece de forma automatizada e é preciso ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a fim de participar. Portanto, saiba mais no tópico abaixo.

A fim de mais informações sobre o Calendário Sisu, clique aqui!

Quem pode participar?

A fim de efetivar suas inscrições no Sisu 2020, os candidatos devem ter feito a prova do Enem em 2018.

Além disso, é fundamental ter tirado nota maior do que zero na redação do exame. Acesse o site do Enem e confira os seus resultados na ‘página do participante’. Lembre-se ainda de preencher o CPF e senha para conectar.

Feito isso, é chegada a hora de se candidatar. E a fim de facilitar todo o processo veja como se inscrever no Sisu a seguir.

INSCRIÇÃO NO SISU

Inscrições SISU 2020: Veja o passo a passo

Inscrições SISU 2020 Passo 1

  • Primeiramente, acesse o site do Sisu
  • Em seguida, informe todos os dados solicitados
  • Logo depois, escolha duas opções de curso
  • E então verifique se tudo foi preenchido corretamente
  • Por último é só confirmar sua inscrição no Sisu 2020

Viu, só, como é fácil? No entanto, muitas pessoas têm inúmeras dúvidas em relação a isso. Uma delas costuma ser “em quantas faculdades posso me inscrever pelo Sisu”?

A primeira coisa a se fazer é ir em “pesquisar vagas” no site do sistema. Logo depois, preencha a cidade, curso ou instituição de sua preferência.

Com o resultado da busca, você poderá escolher as opções que melhor se encaixam aos seus objetivos. Entretanto, vale lembrar que os candidatos podem se inscrever em duas vagas e especificar a ordem de prioridade.

Outra informação importante é: fique de olho até o dia 07/06 antes do sistema fechar as inscrições.

Isso porque é possível mudar de cursos até lá conforme as notas de corte forem divulgadas. Sendo assim, monitore tudo bem perto. E as informações para você fazer tudo isso estão no próximo tópico.

Como ocorre a seleção?

Nas inscrições do Sisu 2020 serão diariamente divulgadas as notas de corte de cada modalidade (ampla concorrência ou vagas reservadas conforme a lei de cotas) e cursos.

A nota de corte nada mais é do que um indicador. Desse modo, ela lhe dá a ‘chance’ de mudar a direção das suas escolhas para onde seja possível ser aprovado.

O cálculo funciona assim (exemplo): há 40 vagas ao curso A na universidade B, de ampla concorrência. Com isso, 80 interessados se cadastraram para concorrer no primeiro dia.

No entanto, só serão selecionados os 40 com as maiores pontuações no Enem. Logo, a nota de corte será a última mais alta dos quarenta.

Mas, no dia posterior, tudo pode mudar se candidatos com melhores notas se inscreverem. Sendo assim, fique atento às opções que mais vão lhe trazer oportunidades de ingressar e aguarde o resultado final.

Listas de espera e as mudanças nas inscrições do Sisu 2020

Sim, a regra da lista de espera mudou. Antes, o candidato não aprovado na primeira opção de curso da chamada regular poderia desistir da segunda opção para ficar na lista de espera da primeira.

A partir de 2019 isso mudou e não será mais permitido. Sendo assim, agora, caso o aluno seja convocado na 1ª chamada não terá direito a participar da lista.

Só terá essa chance se não for selecionado na 1ª chamada e em apenas um dos cursos inscritos. De acordo com o MEC, isso permitirá maior liberdade de escolha aos não selecionados da forma regular.

Com a mudança, espera-se que o prazo de convocação também diminua e que as matrículas aconteçam antes das aulas começarem.

Quanto às chamadas das universidades, cabe a elas definirem os seus prazos e aos candidatos não perderem as datas.  Em vista disso, mantenha o seu calendário bem apurado.

Com você mais informado (a), finalizamos o post de hoje com votos de muito sucesso.

E caso tenha outras dúvidas sobre as inscrições do Sisu 2020 fique à vontade para nos contatar!

Um grande abraço e até a próxima publicação!

Pin It on Pinterest